10 outubro 2007

Monte Alentejano...

Reabro os olhos… foco o olhar… eis que surge o imenso monte alentejano… e com ele, o desafio… o medo da sua imensidão… da perda… limito-me à orientação dos sentidos… e sob o comando do olhar, sigo a lua que me devolve a imaginação… sinto a brisa que me acompanha num rumo ainda desconhecido… vagueio por um caminho… um caminho qualquer… vou fantasiando o som harmonioso de uma guitarra que me embala ate ao regresso… de um sentimento que nunca partiu… que na verdade, nunca senti… desejei-o unicamente… para mim, ou à semelhança de Pirandello, “para um Eu, entre os cem mil que sou”… Fecho os olhos… para que ao reabri-los esteja novamente, num outro lugar qualquer… um novo palco… iluminado sob o testemunho da Lua… onde, uma vez mais, me revelarei diante de Vós.

9 comentários:

Antonio Rebordao disse...

Meu caro Ribau, bem dito não há dúvida. Continua a partilhar e até breve. Este Natal também estarei pela cidade neve mas que não tem neve. Espero que possamos partilhar alguns momentos.

Abraços

Anónimo disse...

Desta vez não fui convidada a comentar... :)
Os cem mil eus que sou têm saudades... muitas saudades...
Quem sabe num outro lugar... Talvez em lugar algum...nós...talvez nunca...

beijo
Vany

Bichodeconta disse...

A beleza da imagem leva-me para além do tejo.. Onde começa e acaba o sul.. Isso, onde o vento é mais ameno e o céu é mais azul..Um abraço, ell

Menina do Rio disse...

Ou á semelhança de Pirandello, "para um Eu, entre os cem mil que sou"... Sim, pq estamos sempre em movimento e nunca somos o mesmo!

Querido, é um prazer ver-te em minha casa neste dia tão importante de minha vida! Deves ter sentido o cheirinho de bolo. Sirva-se e fique à vontade. A festa é nossa!

Um beijo no teu coração

Gigi disse...

Olá! Obrigada pelo teu comentário. Aparece sempre que queiras.
Acho que vou passar a vir aqui também...
:-)

MIMO-TE disse...

Tenho as portas e as janelas abertas para todos os que possuem coração grande e alma pura. Pelo que lí és bem vindo.

Gostei, da forma como expressas os teus sentimentos, fiquei surpresa isso é muito bom.

Voltarei certamente

Deixo Mimos

APC disse...

Boa associação de palavras e azul, para a descrição de um estado de espírito que contagia. A imagem, super simpática, resplandece de saúde, naturalidade e alegria! Faz sorrir! :-)
Abraços de entretanto.

Paula Raposo disse...

Gosto de te ler...

Mónica disse...

mar alentejano :P